zermatt

Foto: Divulgação

 

Zermatt não tinha nenhuma marca global de hotelaria. Mas isso deve mudar, já que a rede de luxo The Ritz-Carlton, que opera mais de 80 hotéis em todo o mundo, planeja uma nova unidade no vilarejo do Matterhorn. Um empresário local, Mario Julen, assinou contrato com a Marriott International para este empreendimento.

 

Previsto para abrir em 2026, será a segunda unidade da bandeira de luxo na Suíça, juntando se ao Ritz-Carlton Hotel de la Paix Genebra, bem como seu quarto resort de esqui. As propriedades de esqui existentes da marca incluem o Ritz-Carlton Lake Tahoe na Califórnia, além do Ritz-Carlton Bachelor Gulch e Ritz-Carlton Club Vail, ambos no Colorado (EUA).

 

Ritz-Carlton Zermatt será comporto por vários pequenos edifícios. Serão 69 quartos e suítes, além de dois restaurantes, dois bares, luxuosa área de spa, sala de fitness, piscina exterior e interior e mais uma grande esplanada externa. Muito luxo e o melhor, acesso direto às pistas.

 

Este é um projeto emocionante para mim, pois tenho trabalhado apaixonadamente por muitos anos para trazê-lo à vida. Não é apenas uma declaração de amor à minha cidade natal, Zermatt, mas também à hotelaria de luxo e sua capacidade de inspirar viagens. Como primeira grande marca internacional em Zermatt, meu desejo é que este projeto traga um novo nível de hospitalidade aos alpes suiços”, disse Mario Julien.

 

Julien é um alpinista de Zermatt, guia de montanha, piloto de helicóptero e hoteleiro de sucesso. Seu próprio negócio de incorporação imobiliária Matterhorn Peak AG desenvolveu alguns dos projetos imobiliários locais mais excepcionais no segmento de luxo, incluindo 7 Heavens e Hotel Mama.

 

Zermatt oferece esqui incomparável para todos os níveis, escalando o pico Matterhorn, bem como fácil acesso a Cervinia na Itália para esqui fora de pista, heli-esqui e esqui glaciar nos meses de verão. A cidade é bem conhecida por suas atividades pós-esqui, oferecendo excelentes restaurantes e lojas luxuosas. Os visitantes podem viajar para Zermatt a partir dos aeroportos internacionais de Genebra e Zurique em menos de quatro horas de trem através do cenário alpino encantador ou de helicóptero particular.