No Guia Michelin da Grã-Bretanha & Irlanda 2021 há sete restaurantes com três estrelas, incluindo dois mais novos de Londres, cada com chefes de cozinheiras.

 

CORE por Clare Smyth oferece ótima refeição no coração de Notting Hill, com um menu apresentando os melhores ingredientes britânicos de maneiras altamente criativas.

 

Utilizando uma imensa variedade de produtos sazonais, o restaurante Connaught por Hélène Darroze oferece menus personalizados em um ambiente elegante e intimidante.

 

Três novos restaurantes duas estrelas

 

A adição de três novos restaurantes com duas estrelas Michelin, todos em Londres, significa que agora existem 20 na Grã-Bretanha no total. A. Wong em Victoria é o primeiro restaurante chinês na nação que recebeu duas estrelas, um testemunho da culinária altamente refinada do chef Andrew Wong.

 

Da Terra, no coração de Bethnal Green, só ganhou sua primeira estrela Michelin em 2020, mas tem sido reconhecido por seu menu da culinária europeia moderna, influenciada pelos sabores das raízes latino-americanas de seus chefs Rafael Cagali e Paulo Airaudo.

 

O último dos três é o Restaurant Story em Southwark, onde o chef Tom Sellers conta a história da culinária britânica com constante mudanças sazonais nos menus.

 

Uma estrela e reconhecimento Bib Gourmand

 

Por toda a Grã-Bretanha e Irlanda, o guia adicionou 17 restaurantes uma estrela, somando ao todo 158 estabelecimentos.

 

O número de restaurantes que possuem o prêmio Bib Gourmand também aumentou para 126, um aumento de 16 estabelecimentos desde 2020.

 

Entre os novos estabelecimentos de uma estrela estão dois hotéis-fazenda, Shaun Rankin em Grantley Hall e Latymer em Pennyhill Park, enquanto outro destaque perto de Hexham é o Restaurant Hjem, devido a sua localização única à sombra da Muralha de Adriano.

 

Nova categoria verde no Guia Michelin

 

Vinte (20) restaurantes britânicos foram premiados com uma Estrela Michelin Green para Sustentabilidade no último guia de 2021.

 

A mais nova categoria para este ano, a ‘Estrela Verde’ reconhece os esforços dos restaurantes que servem alimentação de alta qualidade e operam com foco em padrões éticos e ambientais.

 

Colocando o foco na sustentabilidade

 

Ao todo, 18 restaurantes na Inglaterra, um (1) na Escócia e outro (1) no País de Gales, receberam a nova ‘Estrela Verde’ em 2021.

 

Estes restaurantes foram reconhecidos pelos seus esforços em apoiar os fazendeiros e pescadores locais, por apoiar a produção local e por remover o uso de plástico e outros itens não-recicláveis de suas redes de fornecimento.

 

Outras ações sustentáveis sobre como lidar com o desperdício de alimentos de forma efetiva, o cultivo de uma produção própria e o envolvimento em projetos de caridade e projetos educacionais também foram reconhecidos pelos inspetores.

 

Alguns dos restaurantes que se destacaram para receber a ‘Estrela Verde’ inclui:

 

  • L’enclume em Cartmel, onde o chef Simon Rogan oferece um menu saboroso no coração do Distrito de Lake com uma grande ênfase no conceito ‘da fazenda para a mesa’.

  • Ao norte de York, The Black Swan em Oldstead é um pub/restaurante familiar que produz a maior parte de seus alimentos.

  • Silo, em Hackney, Londres, com desperdício zero e materiais recicláveis são utilizados em todo o ambiente.

  • O restaurante Where The Light Gets In, oferece um menu em constante mudança que é fortemente influenciado pelos produtos que foram colhidos e fornecidos naquele dia.

  • Inver, em Starchur, oferece frutos do mar frescos de origem local e carnes nativas das margens do Rio Fyne, na costa oeste da Escócia.

  • Em Nottingham, Restaurant Sat Bains adicionou uma ‘Estrela Verde’ além das duas estrelas Michelin que já tinham, com os inspetores reconhecendo o menu que aproveita ao máximo cada ingrediente utilizado.

 

Fonte: VisitBritain