Cortina autunno Malga Giau Croda da Lago PaolaDandrea 1 min

Cortina no outono - Cabana Giau. Foto: Paola Dandrea

 

O outono é uma estação de calma, de preparação e de exploração interior. A natureza rapidamente se transforma para se preparar para o inverno, produzindo algumas das mais belas paisagens, e explorar um ambiente natural torna-se uma forma de exploração interior. Este é um dos melhores momentos para descobrir Cortina d’Ampezzo de uma forma mais lenta e intimista, quando a cidade volta a um ritmo mais lento e a mata fica amarela, laranja e vermelha.

 

cortina out

Outono em Cortina. Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

A localidade está bem servida por inúmeras trilhas e para viver a experiência do outono em Cortina, foram construídas mais duas novas trilhas de caminhada que estarão prontas para essa estação em 2020: Gores de Federa e Castelo Podestagno.

 

cortina trilhas

Caminhada em Cortina. Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

Gores de Federa

cortina gores 

Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

Gores de Federa é uma nova trilha de caminhada desenvolvida pela instituição local Regole d'Ampezzo no Parque Natural das Dolomitas Ampezzo: a trilha, imersa na encantadora área de Federa, em cerca de duas horas levará os visitantes à fazenda alpina Malga Federa, localizada em uma maravilhosa clareira. A partir da placa de sinalização, os caminhantes entrarão na floresta intocada de Federa e seguirão a trilha entre pequenas cachoeiras, desfiladeiros e riachos cruzando as cinco pequenas pontes na torrente Ru Federa. Depois de uma caminhada de algumas horas, eles chegarão a Malga Federa, uma fazenda alpina em uma grande pastagem da qual o panorama é simplesmente excelente, oferecendo uma vista das montanhas Becco di Mezzodì, Pomagagnon, Cristallo e Faloria.

 

Malga Federa www.bandion.it min

Fazenda Alpina Malga Federa. Foto: www.bandion.it

 

Animais como vacas, burros e cavalos pastam por lá, promovendo uma atmosfera muito autêntica e bucólica.

 

Gores de Federa Credits Ute Dandrea

Gores de Federa Credits Ute Dandrea

Gores de Federa: Fotos: Ute Dandrea

 

O caminho Gores de Federa foi inaugurado em 2019, com um sucesso incrível e para o outono de 2020 será estendido ainda seguindo o curso de Ru Federa torrent e suas impressionantes cachoeiras, prados e desfiladeiros, tornando a experiência ainda mais mágica.

 

Castelo Podestagno

Podestagno Credits Alice Corte Colò

Podestagno. Foto: Alice Corte Colò

 

O Castelo de Podestagno foi construído no século XIV, no Nordeste de Cortina, em uma posição muito estratégica para controlar a estrada vinda de Veneza a Tirol. O castelo ficava em um lugar remoto e solitário em uma rocha numa altitude de 1.512 metros com uma vista muita estratégica do Vale Ampezzo para Cimabanche.

 

Em 1783, o castelo foi vendido ao município de Ampezzo, o antigo nome de Cortina, e uma demolição lenta começou em 1794. As últimas ruínas foram demolidas pelas tropas italianas entre 1915-1917 e o solo alto se tornou um local para observadores e artilharia leve. Uma nova trilha foi construída para valorizar a área e sua história. A trilha chega ao Castelo de Podestagno começando da Ponte de Ru Felizon em um caminho circular contornando a parede sul de Podestagno.

 

Podestagno Credits Michele da Pozzo

Podestagno. Foto: Michele da Pozzo

 

O rochedo é de grande interesse botânico devido às plantas termofílicas especiais que crescem lá, além disso, a área é lar de algumas espécies endêmicas que vivem em ambientes rochosos protegidos nos Alpes, tal como o pequeno pântano Asplenium seelosii, a Artemísia nítida, uma bel flor amarela e a Viola pinnata.

 

cortina podest

Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

A trilha é muito cênica: os caminhantes passarão por uma saliência deslumbrante equipada com cabos de metal e cercas de madeira, poderão entrar e descobrir uma grande caverna e chegar depois a uma clareira ensolarada coberta de grama e flores e finalmente ao castelo e a grande vista sobre Cortina.

 

Desmonteà, festa tradicional da descida de gado de Cortina

 

cortina desmontea

Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

O outono não é somente uma estação espetacular, mas também é o momento que Cortina volta para uma vida diária mais tradicional, com poucos turistas ao redor e se preparando para o inverno. Este é o tempo em que cavalos, vacas, burros e ovelhas voltam para a cidade após passar o verão nas pastagens no alto das montanhas ao redor do Vale Ampezzo. É a descida de gado, ou “desmonteà” como os locais chamam.

 

Desmonteà é um dia festivo por tradição: costumava ser um momento muito importante do ano. Marcando o fim da estação quente e o retorno para a cidade, não somente do gado, mas também de pastores e vaqueiros. Em Cortina, a descida do gado é celebrada todo ano em meados de outubro. No dia da descida, a área ao redor da rodoviária, é tomada por burros, vacas e outros animais para todos, e especialmente crianças, admirar.

 

Fazendeiros locais vendem seus produtos em pequenos estandes, crianças podem tomar um lanche do meio da manhã com comida local e todos estão convidados a um almoço de montanha tradicional com linguiça, polenta e queijo local na tenda erguida para a ocasião.

 

Mas, em primeiro lugar, porque o gado é levado para pastar no alto das montanhas? É para eles comerem diferentes tipos de capim, beberem a melhor água e viverem no mais imaculado ambiente. Isto reflete na comida que eles produzem. Por exemplo, está provado que vacas que passam o verão nas montanhas produzem um queijo mais rico em ácidos Ômega-3.

 

Sabores naturais autênticos

 

cortina sabores 

Foto: Divulgação/ Cortina Marketing

 

A assinatura dos pratos da cozinha Ampezzo com seus sabores tradicionais, bem como as receitas da moda, são agora para levar, frescos, preparados para você por chefs experientes. Você pode ter o prazer de saborear um saboroso almoço ou jantar ao ar livre, em um prado florido, enquanto toma uma taça de vinho, uma cerveja artesanal local, seu coquetel favorito ou uma bebida saudável: o que você mais gosta, em Cortina d’Ampezzo.

 

Fazendas alpinas, baús de tesouro da cozinha local

 

Nos Alpes, malga, que pode ser traduzido como Fazenda Alpina, é o prédio onde tradicionalmente pastores e vaqueiros vivem no verão, quando vacas, ovelhas e outros animais pastam nas pastagens de montanha. Essas fazendas também podem ser ótimos lugares para se fazer uma refeição após uma caminhada pelas trilhas da região.

 

Assista ao vídeo abaixo e conheça um pouco da beleza encantadora do outono em Cortina: