Chegou o Luminar Neo, com novos recursos para editar suas fotos de modo profissional.

Foto: Divulgação

 

Depois de alguns meses de lockdown e portas fechadas, o Sabi Sabi Private Game Reserve, hotel de safári localizado em reserva adjacente ao Kruger National Park, na África do Sul, está aberto desde setembro de 2020 e vem sendo capaz de oferecer aos hóspedes uma experiência segura e especial.

 

Desde que o Sabi Sabi nasceu, há 40 anos, tem como foco a criação de um ambiente receptivo e familiar para os hóspedes, uma “casa de luxo na savana” onde possam aproveitar os safáris com conforto e segurança. Em meio à pandemia de covid-19, se tornou mandatório garantir também a saúde e o bem-estar desses viajantes. Para isso, durante o período de lockdown o Sabi Sabi trabalhou com autoridades e médicos locais para adotar protocolos de segurança e saúde alinhados com as diretrizes nacionais e com as melhores práticas globais. Assim, se preparou para receber os hóspedes proporcionando uma estadia em que a única preocupação seja aproveitar ao máximo as experiências com a vida selvagem, relaxar e absorver as maravilhas da savana.

 

Alguns aspectos do plano que vem garantindo uma retomada bem-sucedida podem ser conferidos abaixo:

 

1. O ambiente do Sabi Sabi é originalmente de espaços amplos e abertos, mas para garantir ainda mais o distanciamento social, todas as experiências, atividades, refeições e serviço de quarto foram ajustadas.

2. As suítes são ocupadas de modo rotativo: quando os hóspedes vão embora, o quarto é completamente higienizado e fica desocupada por 48 horas.

3. Funcionários e hóspedes passam por uma checagem de sintomas de Covid-19 duas vezes ao dia. Além disso, os membros da equipe que retornam à reserva após um tempo fora passam por um período de quarentena antes de interagir com outros funcionários e hóspedes.

4. O Sabi Sabi é um dos poucos lodges que conta com um enfermeiro clínico presente em tempo integral. Há também um serviço de assistência médica disponível 24 horas por dia, para o caso de necessidades que estejam fora do escopo atendido pelo clínico e pelas instalações locais.

5. A reserva conta com instalações para testagem de Covid-19, sendo possível realizar tanto o PCR quanto o teste rápido de antígeno. O resultado do teste de antígeno fica pronto em meia hora, enquanto o do PCR, por ser enviado para um laboratório externo, demora 24 horas.

6. Protocolos foram estabelecidos e são sempre reavaliados de modo a se manterem atualizados. A equipe do hotel foi treinada para implementar as medidas que garantem o seu bem-estar e o dos hospedes.

 

Foto: Divulgação

 

Essas e muitas outras medidas garantiram ao Sabi Sabi o certificado “Travel Safe / Eat Safe”, uma iniciativa do Tourism Business Council of South Africa (TBCSA), endossada pelo World Travel & Tourism Council (WTTC). O Sabi Sabi leva em conta cada aspecto da estadia, de antes da chegada até a partida – incluindo assistência com papeladas necessárias para viajar -, com o propósito de criar uma experiência segura e de garantir que os viajantes possam criar memórias maravilhosas com tranquilidade.

 

A situação atual oferece uma oportunidade de refletir, aprender e tirar inspiração da natureza. Entre as muitas lições que ela nos dá, está o fato de que é necessário construir sociedades sustentáveis e que tratem a natureza com respeito, algo que sempre foi – e continuará sendo - prioridade no Sabi Sabi.