Chegou o Luminar Neo, com novos recursos para editar suas fotos de modo profissional.

A partir de 1º de outubro, Chile passará a receber estrangeiros não residentes que deverão seguir protocolos sanitários para entrar no país, como PCR negativo e apresentação de passe de mobilidade

 

O Chile voltará a receber viajantes internacionais após mais de um ano e meio de fronteiras fechadas ou sob restrições de mobilidade. A modificação do Plano de Fronteiras Protegidas, que começará a vigorar a partir de 1º de outubro, permitirá que qualquer estrangeiro não residente que apresentar comprovante de vacinação completa e atender a diferentes requisitos, entre no território nacional por meio dos aeroportos de Santiago, Iquique ou Antofagasta.

 

Requisitos de entrada

 

Para entrar no país, o viajante deve preencher digitalmente - até 72 horas antes da viagem -, o formulário "Declaração para Viajantes" disponível em: www.c19.cl.  O formulário inclui informações de contato, histórico de saúde e viagem.

 

Para os estrangeiros não residentes também será exigido um seguro de viagem que cubra quaisquer despesas médicas causadas pela Covid-19. A cobertura mínima para benefícios de saúde deve ser de US$ 30.000.

 

Além disso, deverá ser apresentado o exame de PCR negativo, realizado com pelo menos 72 horas de antecedência à viagem.

 

Soma-se a esses requisitos a obrigação do comprovante de vacinação completa que permita a obtenção do Passe de Mobilidade que será entregue pelo Ministério da Saúde do Chile.  Este documento pode ser solicitado em mevacuno.gob.cl.

 

Em relação à quarentena, a partir de 1º de outubro deve ser realizado um isolamento obrigatório de 5 dias, no endereço declarado pelo viajante, em um hotel ou residência, que deverá ser informado em seu formulário de entrada.

 

Além do isolamento, todos os viajantes deverão cumprir o processo de rastreamento, que consiste no envio de um autorrelato diário sobre o estado de saúde, localização e testes via e-mail durante 14 dias.

 

Todas as informações sobre a atualização do Plano de Fronteiras Protegidas e a entrada de estrangeiros não residentes no Chile estão disponíveis em www.chile.travel.cl/planviajarachile.