Campanha da Air Europa com destino a Porto e Lisboa pode ser parcelada em até 10x

 

Está em andamento pela Air Europa a campanha “Na Air Europa não sabemos como é o novo normal, mas o normal é que esses preços façam VOCÊ VOAR!”, que disponibiliza passagens para diversos destinos da Europa, entre eles Portugal, que acaba de ser reaberto para brasileiros que apresentarem teste negativo de Covid-19.

 

O anúncio da reabertura para turistas do Brasil aconteceu na quarta-feira (1º). A companhia oferece passagens aéreas para Porto e Lisboa a partir de R$ 2.600 com taxa inclusa e parcelamento em até 10x sem juros no cartão de crédito, que podem ser adquiridas até 17 de setembro de 2021 e utilizados até 09 de junho de 2022.

 

Mais destinos europeus

 

Além de Portugal, a campanha da Air Europa inclui os destinos Madri, Barcelona, Vigo, Zurique, França (ORLY), Frankfurt, Munique, Roma, Milão, entre outros, com valores a partir de R$ 2.356.

 

Todas as saídas dos voos da Air Europa partem três vezes por semana da cidade de Guarulhos (SP), e tem conexão imediata em Madri, na Espanha. As viagens acontecem no moderno avião Boeing 787 Dreamliner proporcionando maior conforto e segurança aos passageiros. Para as demais cidades no Brasil, a Companhia possui acordos com as companhias nacionais parceiras, possibilitando a conexão de todo o Brasil.

 

Para mais informações sobre a promoção, regras de entrada nos países e os protocolos de segurança adotadas pela Air Europa, é possível acessar o site: https://www.aireuropa.com/br/voos  ou consultar sua agência de viagens.

 

Confira abaixo os principais destinos e as tarifas da campanha:

 

Porto e Lisboa a partir de R$ 2.600
Madrid a partir de R$ 2.356 
Barcelona a partir de R$ 2.481 
Vigo a partir de R$ 2.571 
Zurique a partir de R$ 2.721 
França (ORLY) a partir de R$ 2.780 
Frankfurt ou Munique a partir de R$ 3.140 
Roma ou Milão a partir de R$ 2.694

 

A condição especial da Air Europa também oferece aos passageiros a possibilidade de uma alteração, sem custo, quanto à data do voo, desde que seja solicitada com até sete dias de antecedência à data de saída do primeiro voo.